Comportamento, Listas

10 coisas que aprendi na faculdade

Fevereiro é o mês de volta às aulas, mas com a quantidade de feriados que temos, praticamente é em março que a coisa realmente começa. De certa forma eu tenho saudades de ter um “lugar para ir” ou “para voltar”. Não me entendam mal. Estou muito feliz onde estou, tendo concluído meus estudos e até alcançado coisas que não imaginei um dia. A questão é que a gente sente falta daquele friozinho na barriga de começar algo novo, de aprender, de deixar a mente se abrir para novas possibilidades. Começar a faculdade é um passo muito importante na vida de qualquer pessoa. Finalmente você vai estudar apenas o que você gosta (ou acha que gosta), finalmente você vai começar sua vida profissional, se tornar “alguém”. O fato é que nem todo mundo sabe aproveitar essa época como deveria. Por isso resolvi compartilhar essa listinha com 10 coisas que aprendi na faculdade, tanto durante quanto no final do curso.

 photo 10-coisas-que-aprendi-na-faculdade.jpg

Faça o máximo de estágios possível

Dificilmente você concluirá a faculdade sem ter passado por pelo menos um estágio. Eles contam como horas obrigatórias para o término dos cursos e agregam à sua vida a experiência que você não adquire em sala de aula. É no estágio que você vai ter o primeiro contato real com sua profissão, onde você vai ter muitas chances para errar e aprender. É por isso que é tão importante fazer o máximo de estágios possível. Eu recomendo que você não fique mais de seis meses no mesmo lugar. Não importa se você recebe um bom  auxílio financeiro lá. Não importa se você já está habituado com o serviço (na verdade, é justamente isso que não deve acontecer). Tente explorar, nessa fase, as diversas áreas que sua profissão abrange, assim você terá a oportunidade de identificar o que realmente gosta de fazer e com o que quer trabalhar quando se graduar. Além disso, boa parte das empresas acabam efetivando como funcionários seus melhores estagiários, e você também vai querer ter o que colocar no currículo quando deixar a faculdade, certo?

Faça um intercâmbio

Se tiver a chance, faça um intercâmbio. É muito mais fácil conseguir uma bolsa e visto para estudar em um outro país quando você está cursando algo. Sem falar que você saíra na frente no mercado de trabalho quando revelar que vivenciou algo assim. Um intercâmbio mostrará que você tem uma boa capacidade de se adaptar a novos ambientes, provavelmente domina um idioma diferente e foi apresentado a outra cultura.

Comece a pensar no seu Trabalho de Conclusão de Curso o quanto antes

Quanto mais cedo você começar a pensar no seu Trabalho de Conclusão de Curso, mais cedo você ficará livre dele. Acontece que é muito mais fácil conceber e executar uma ideia em longo prazo do que com poucos meses de antecedência. Liste temas em potencial que poderiam ser trabalhados e amadureça seu trabalho com calma.

Mantenha um bom relacionamento com seus professores

Vá além do “bom dia”. Converse com seus professores, adicione eles, se possível, no Facebook. Peça dicas de material extra-classe, demonstre interesse e se envolva com as atividades. Será muito mais fácil ele lembrar o seu nome na hora em que for indicar alguém para uma vaga se ele conhecer seu rosto e sua capacidade.

Participe de congressos, seminários e oficinas

Pode parecer muito chato, mas participar desse tipo de atividade vai lhe render horas complementares para a conclusão do curso (são cerca de 200 horas obrigatórias e muita gente tem que adiar a formatura – e continuar pagando mensalidade – por não as terem), e te manterá em contato com profissionais renomados da sua área. Sem falar que é muito bom ter esse tipo de referência no currículo.

Use o Prezi

Deixe de lado os efeitos bobos e as horas gastas montando slides no Power Point. O Prezi é bastante prático, já é praticamente pronto, conta com temas e efeitos elegantes que vão dar um toque especial na hora de apresentar um trabalho. Ah, vale mencionar que você vai economizar um tempo ótimo com essa ferramenta, que é gratuita e pode ser acessada de qualquer lugar.

Vá além do que você aprende em sala de aula

Na escola pode funcionar estudar apenas o que a professora ensina, mas na faculdade a coisa é diferente. Você agora cresceu e deve correr atrás do que quer. Ir além da matéria vista em classe é um bom passo em busca do diferencial. Procure autores diferentes, com teorias e propostas distintas das vistas em sala. É um investimento que vai ampliar muito o seu potencial.

Junte-se com os melhores 

Se no colégio você costumava fazer trabalhos com seu grupo de amigos, na faculdade você deve sair da sua zona de conforto. Busque sempre se juntar com os melhores da turma, aqueles que você sabe que são responsáveis e não vão te deixar na mão com uma atividade valendo nota para entregar. Socialize com todos, seja amigo de muitos, mas se junte com os melhores. Não há nada pior do que “carregar” algum folgado nas costas por quatro anos ou mais.

Faça os trabalhos o quanto antes

O ritmo da faculdade é completamente diferente do da escola. Você terá mais trabalhos para fazer e provavelmente os astros dos professores se alinharão de maneira que todos marcarão as datas de entrega para o mesmo dia. Por isso, não acumule tarefas! Livre-se delas o quanto antes. Sacrifique seu tempo agora para não se prejudicar depois. Nada melhor do que a sensação de alívio de ter concluído uma atividade que todo mundo ainda está se matando para fazer.

Faça cursos extras

Se tiver grana, tempo e oportunidade, invista em cursos extras que vão de alguma forma agregar habilidades à sua futura profissão. Assim, quando ingressar no mercado você terá algum diferencial em relação a seus concorrentes. De quebra, os cursos podem render carga horária complementar obrigatória para a conclusão da graduação.

E vocês, o que aprenderam ou esperam aprender na faculdade? Espero que a lista seja útil para alguém.

Beijos!

POST ANTERIOR POST SEGUINTE

POSTS RELACIONADOS


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/content/24/11052224/html/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273